Moradores de cidade que teve 80% da área inundada no Acre podem solicitar FGTS calamidade; saiba como

  • 21/05/2024
(Foto: Reprodução)
Benefício pode ser solicitado até domingo (26) pelo Aplicativo FGTS por moradores de Brasiléia. Cidade enfrentou a maior cheia de sua história no início do ano. Brasiléia enfrentou a maior enchente de sua história no início do ano Fernando Oliveira/Arquivo pessoal Os moradores de Brasiléia, no interior do Acre, já podem solicitar o saque do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) por calamidade à Caixa Econômica Federal. O município teve cerca de 80% da área inundada entre fevereiro e março e enfrentou a maior enchente de sua história. LEIA MAIS: Brasiléia, no Acre, tem a maior enchente da história da cidade Água começa a baixar e bairro do AC que poderia ter 'ido' para a Bolívia continua no Brasil Em meio a maior enchente da história, prefeita de Brasiléia considera projeto para tirar moradores da parte baixa da cidade A solicitação é feita exclusivamente pelo Aplicativo FGTS e até domingo (26). Esses moradores já indicaram os endereços à Defesa Civil Municipal anteriormente para comprovar que foram afetados pela cheia do Rio Acre. Em 28 de fevereiro, data que Brasiléia registrou o maior nível do Rio Acre no município (15,58 metros), quase 4 mil pessoas estavam desabrigadas ou desalojadas, segundo a prefeitura do município. Os moradores de Brasiléia e de Epitaciolândia, cidade vizinha, faziam filas para aguardar as embarcações que faziam o transporte de moradores para várias atividades. Naquela ocasião, 16 abrigos haviam sido montados para receber a população desabrigada. No bairro Leonardo Barbosa, que chegou a ficar isolado do lado brasileiro, uma cratera se formou. A área, porém, não sofreu rompimento definitivo do território nacional. Vista aérea das regiões alagadas em Brasiléia, no interior do Acre Arquivo pessoal Quem pode sacar o FGTS calamidade A solicitação do benefício pode ser feita por trabalhadores que possuem saldo na conta do FGTS e não tenham realizado saque pelo mesmo motivo nos últimos 12 meses. Além disso, só pode ser retirado o valor máximo de R$ 6.220,00 por conta. Ao registrar a solicitação é possível indicar uma conta da Caixa, inclusive a Poupança Digital Caixa Tem, ou de outra instituição financeira para receber os valores, sem nenhum custo. Como solicitar o Saque Calamidade pelo app? Veja abaixo o passo a passo para solicitação do Saque Calamidade pelo app FGTS. Acesse o aplicativo FGTS e vá em "Meus Saques"; Escolha "Outras Situações de Saques"; Selecione "Calamidade Pública"; Informe o município de residência e clique em "Continuar"; Escolha a forma de receber o FGTS (crédito em conta bancária ou saque presencial); Anexe os documentos requeridos; Confirme a solicitação. Como solicitar o Saque Calamidade pela agência da Caixa? Veja abaixo quais os documentos obrigatórios para solicitação do Saque Calamidade pelas agências da Caixa. Comprovante de residência em nome do trabalhador (emitido nos 120 dias anteriores à decretação da emergência); Sem um comprovante de residência, o titular da conta do FGTS poderá apresentar uma declaração com nome completo, data de nascimento, endereço residencial e número do CPF do trabalhador, emitida pelo governo municipal, em papel timbrado, atestando que o trabalhador é residente na área afetada; Documento de identificação do trabalhador ou diretor não empregado. CPF; CTPS física ou digital ou outro documento que comprove vínculo empregatício. Enchente No dia 4 de março, os ministros da Integração e Desenvolvimento Regional, Waldez Góes, e a ministra do Meio Ambiente Marina Silva, além de outros representantes do governo federal, estiveram no Acre para visitar as áreas alagadas pelas enchentes dos rios. O governo federal liberou mais de R$ 20 milhões para as ações de assistência aos atingidos pelas enchentes no Acre, na capital e no interior do estado. As portarias foram publicadas nas edições dos dias 29 de fevereiro e 4 de março, no Diário Oficial da União (DOU). Bairro Leonardo Barbosa em Brasiléia, no Acre No mesmo dia, Brasiléia iniciou uma força-tarefa para a retirada de entulhos e limpeza da cidade. Apesar do início de vazante do rio à época, a Defesa Civil não liberou de imediato o retorno dos moradores para suas casas. O coordenador da sala de crise de Brasiléia, subcomandante-geral do Corpo de Bombeiros do Acre, coronel Eden Santos, destacou na época que os impactos foram intensos. No último dia 18, o município recebeu mais de R$ 1,7 milhão do Ministério da Integração e do Desenvolvimento Regional (MIDR), por meio da Defesa Civil Nacional, para investimento na reconstrução de prédios públicos atingidos pelas enchentes neste ano. Os recursos repassados, que perfazem o valor de R$ 1.737.433,83, serão destinados para, principalmente, restabelecimento de prédios como: Secretaria de Saúde e Assistência Social, Câmara Municipal, escola, Parque Centenário, praça e quadra no bairro Leonardo Barbosa, além da Sede da prefeitura. Os valores destinados a cada município são definidos, de acordo com o MIDR, por critérios técnicos da Defesa Civil Nacional e variam conforme o valor solicitado no plano de trabalho, magnitude do desastre e número de desabrigados e desalojados, entre outros parâmetros. VÍDEOS: g1

FONTE: https://g1.globo.com/ac/acre/noticia/2024/05/21/moradores-de-cidade-que-teve-80percent-da-area-inundada-no-acre-podem-solicitar-fgts-calamidade-saiba-como.ghtml


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Peça Sua Música

Top 5

top1
1. Deus Proverá

Gabriela Gomes

top2
2. Algo Novo

Kemuel, Lukas Agustinho

top3
3. Aquieta Minh'alma

Ministério Zoe

top4
4. A Casa É Sua

Casa Worship

top5
5. Ninguém explica Deus

Preto No Branco

Anunciantes